LASERTERAPIA ao alcance da esteticista

Atualmente, com o arsenal de recursos aplicados a estética, o Laser de baixa potencia vem se destacando muito. O sucesso dos seus resultados vem encantando clientes de várias idades, porque a tecnologia atende aos diversos tipos de problemas estéticos, desde o clareamento de manchas de pele, acne, alopecia, marcas de expressão, estímulo ao colágeno, celulite, estrias, drenagem linfática, pós operatório cirúrgico, prevenção de quelóides, micropigmentação, onicomicoses, combate aos radicais livres do oxigênio, dentre outras.

A laserterapia consiste na absorção da luz por cromóforos específicos (substâncias fotorreceptoras do tecido, exemplos: melaninas, hemoglobinas, ribossomos, porfirinas, citocromos, rodopsinas, etc;), transformando essa energia luminosa em energia química para as células e tecidos. Por conseqüência, estabelece-se uma interação entre as luzes terapêuticas e os tecidos, que desencadeiam uma série de respostas orgânicas que se traduzem em ação analgésica, estímulo ao metabolismo celular, aumento de circulação periférica, ativação da rede ganglionar, alteração na permeabilidade da membrana plasmática, com maior absorção de nutrientes e cosméticos, quebras de ligações químicas de substâncias que escurecem a pele, eliminação de microrganismos específicos (como aqueles presentes na acne e onicomicoses), estímulo ao metabolismo de proteínas (Superóxido dismutase) que combatem radicais livres do oxigênio, etc.

Vamos conhecer algumas propriedades dessas luzes que estão revolucionando o mercado de estética:

Laser Terapêutico Vermelho (660 nm):

-Absorvido por substâncias presentes na mitocôndria de células superficiais (tecido epitelial e tecido conjuntivo subjacente);

-Aumento na síntese de ATP;

-Maior quantidade de energia, maior produção colágeno, elastina, etc;

-Aumento da microcirculação periférica superficial;

-Liberação de endorfinas, encefalinas e inibição da cicloxigenase (analgesia);

Laser Terapêutico Infravermelho (808 nm):

-Absorvido por substâncias presentes na membrana plasmática de células mais profundas (tecido conjuntivo, tecido muscular, ósseo, cartilaginoso, etc);

-Alteração na permeabilidade da membrana com aumento na absorção de nutrientes, água e dermocosméticos;

-Ativação do metabolismo celular;

-Aumento na microcirculação periférica profunda (excelente indicação para ativação de linfonodos em pré e pós drenagem linfática);

 

LED Azul (+/- 470 nm)

-Absorvido por Porfirinas;

-Hidratação imediata;

-Otimização de decapagens superficiais (peelings físicos ou químicos);

-Formação de Espécies reativas que atuam na melanina, fracionando essa molécula, tornando-a menos absorvedora de luz (efeito clareamento em manchas melânicas);

-Efeito bactericida em microorganismos que contém porfirina fisiológica (Propyonibacterium acne, dentre outras)

LED Âmbar (+/- 590 nm)

-Absorvido por ribossomos, responsáveis pela síntese de cadeias de aminoácidos;

-Aceleração na velocidade da síntese protéica (fibras colágenas, elásticas, etc);

-Quebra de ligações de hidrogênio que se formam em processos de glicação, melhorando elasticidade de fibras adensadas, prevenindo processos de rupturas das mesmas (estrias).
Por tudo que foi descrito, é que, atualmente, o Laser de baixa intensidade de potência e Leds têm trazido, de forma segura, uma melhora impressionante na qualidade dos procedimentos estéticos. Podendo ser utilizados isoladamente ou associados a cosméticos e equipamentos, biomodulando e acelerando respostas do organismo, capazes de aumentar mitose, diferenciação e metabolismo celular, formação de fibras colágenas, nutrição, hidratação e revolucionando o clareamento de melasmas, mesmo os mais resistentes.



Hoje, com capacitação, os profissionais da Estética, que utilizam de forma adequada a Fototerapia, têm se diferenciado nos resultados dos seus procedimentos, proporcionando aos seus clientes, terapias sem invasividade, indolor, sem efeitos colaterais, e com conseqüente Fidelização do Cliente, o que é imprescindível para o Sucesso Profissional. ..
Deise Bust  

Fisioterapeuta Especializada pela FMU São Paulo.

Palestrante em Congressos Nacionais e Internacionais.

http://www.Emporiodaestetica.com.br

http://www.goreti.com.br

Manthus: Associação de terapias combinadas

 

Boa tarde meninas!

Hoje irei comentar sobre o famoso e popular Manthus da KLD.

O manthus é a associação de terapias combinadas, pois consegue associar as ondas mecânicas do ultra-som com correntes elétricas estereodinâmicas em um único cabeçote.

O ultra-som do Manthus é de alta potência, podendo chegar a 45 watts (lembrando que potência é a quantidade de energia que se agrega ao tecido).

As correntes elétricas estereodinâmicas são divididas em duas fases:

  • Sonophasys: ultra-som + correntes despolarizadas. Os objetivos do uso do ultra-som serão realizar tratamento de celulite, gordura localizada ou complicações pós-cirúrgicas enquanto as correntes estereodinâmicas tem a função de estimular o sistema linfático. A corrente ativa quatro vezes mais a velocidade da linfa, além de trabalhar na musculatura dos vasos e capilares linfáticos.
  • Phono-Ionto-poração: ultra-som + corrente polarizada. Com um único objetivo: introdução de princípios ativos.

E por último ainda tem o programa Endophasys que faz analgesia para diminuir a sensibilidade cutânea pré-procedimento invasivo. E eletromassagem, para alívio de dores e relaxamento muscular.

Mas, lembrando que o Manthus é um procedimento não invasivo!! Não produz hematomas, edemas ou dor!

Enfim, é um aparelho completo, excelente para tratamento de diferentes fisiopatologias estéticas.

Lembrando que cada organismo responde de uma maneira diferente, não se pode exigir que seja traçada uma mesma programação para diferentes biótipos. Essa programação tem que ser elaborada mediante a uma minuciosa avaliação. É dessa forma que se começa um protocolo de sucesso!!

Boa sorte a todas!

 

Christina Borges

Tecnóloga em Cosmetologia e Estética

Técnica Goreti Centro de Aperfeiçoamento em Estética

http://www.goreti.com.br

http://www.emporiodaestetica.com.br

Biogen C! A evolução da Cosmetogenética na proteção aos Telômeros

Olá Meninas!

Hoje vamos falar sobre essa tecnologia maravilhosa chamado Biogen C. Inspirado no Prêmio Nobel de Medicida de 2009, esse tratamento ajuda a melhorar a textura e luminosidade cutânea, aumentando firmeza e reduzindo rugas e linhas finas.

 

Utiliza-se altas concentrações de ativos clássicos da dermatologia, como a Vitamina C 10% estável, Retinol 0,3% e Ácido Hialurônico 1% com baixo peso molecular, para melhor permeação.

Combinando a tecnologia inovadora Pró-Gen, responsável por proteger o DNA celular. Os cromossomos possuem estruturas chamadas telômeros, que com o passar dos anos sofrem um encurtamento, resultando no envelhecimento das células. Essa tecnologia Pró-Gen sintetiza um novo fragmento de telômero, evitando seu encurtamento e prevenindo a senescência celular.

Trata-se de um tratamento completo trifásico, pois atua desde as camadas mais superficiais da pele até as mais profundas, deixando a pele visivelmente mais jovem.

Fase 1: Vitamina C 10% + Ácido Ferúlico – age como potente oxidante, estimula síntese de colágeno, preenche rugas, rejuvenesce e ilumina a pele.

Fase 2: Retinol 0,3% + Tecnologia Pró-Gen – estimula a renovação celular biológica, reduz rugas, incrementa a produção de colágeno e elastina, melhora a textura da pele.

Fase 3: Tecnologia Pró-Gen + Ácido Hialurônico 1% + Ácido Alfa-lipoico: otimiza a capacidade proliferativa dos fibroblastos, forte ação antioxidante, corrige rugas,confere efeito lifting imediato.

Façam proveito dessa tecnologia a benefício das suas clientes… Elas vão amar!!

 

Christina Borges

Tecnóloga em Cosmetologia e Estética

Técnica Goreti Centro de Aperfeiçoamento em Estética

http://www.goreti.com.br

http://www.emporiodaestetica.com.br